sexta-feira, 13 de setembro de 2019

"As mães estão preparadas para tudo!"

#@ Ah pois é... Quantas de nós já não ouvimos esta frase, sobretudo em alturas em que "caímos no erro" de desabafar; dizer que estamos cansadas; que não aguentamos mais (porque não somos de ferro! - embora pensem que sim!); ou que precisamos de uma pausa?...
Que atire a primeira pedra quem nunca...

Infelizmente, ouvimos frases deste género vezes demais. Seja dirigida a nós ou a mães como nós. 
Infelizmente, a sociedade preconiza e alimenta esta ideia de que as mães "estão preparadas para tudo"; aguentam tudo; superam tudo; suportam tudo,...
E, não é que não seja verdade, em parte, mas há o outro lado, que ninguém vê, que ninguém comenta, de que ninguém se lembra: os limites das mães; os receios das mães; o cansaço das mães;...
Sim, porque mesmo que a maioria de nós não se queixe, e tenha um sorriso nos lábios, muitas vezes é a nossa "capa" para não mostrarmos ao melhor de nós, que estamos no pior de nós... (também vos acontece?)

Eu sei que nós, mães, temos 1001 profissões; funções; aptidões; que descobrimos forças vá-se lá saber onde ou como; que pelos filhos vamos ao fim do mundo, sem pensar ou hesitar, as vezes que forem precisas; que por mais que estejamos cansadas, o nosso colo, abraço e regaço funcionam 24-7, sem interrupções; que resolvemos os problemas, medos e anseios de todos, mesmo que nos deixemos para último; que a nossa mente armazena as datas de reuniões, consultas, ativades extra, festas, horários de toda a família; que tudo fazemos, por todos, sempre com o maior sorriso e de coração aberto; mas não não estamos "preparadas para tudo" - também temos limites, mesmo que os calemos, "eles" estão cá, e temos de os "deitar cá para fora" de vez em quando...

Por isso, lembremo-nos, que as mães podem sim estar "preparadas para tudo" muitos dias, muitas vezes, mas que há certas alturas em que precisam de fazer uma pausa, respirar fundo, e deixar de estar "preparadas", enquanto elas mesmas se preparam para si; para o mundo; para os seus filhos. 
As mães também precisam de recarregar energias, sabiam? Yep, podem ficar surpresos, mas as mães precisam mesmo. Até quando parece que somos invencíveis, imparáveis, inesgotáveis...

Vamos lá "deixar as mães respirar" e deixar de colocar tanta pressão, tanto julgamento, tanto apontar de dedo... Acham que é possível?
É que nós mães agradecemos. Muito. Imenso. Verdadeiramente 💖.
Tenho dito.

Mais alguém se quer juntar a mim e desabafar? Estejam à vontade; "sou toda ouvidos".

Vejo-vos no próximo post!

Nota: o Facebook mudou o algoritmo; vão ver mais posts dos vossos amigos e menos de páginas onde deixaram o vosso like. Querem saber quando há publicações nossas e estar sempre a par das novidades? Então na página de facebook do blogue, clicam onde diz “A Seguir” e selecionam "Ver Primeiro".
Sigam-nos ainda no Instagram aqui e no blogspot também conto convosco - vão à página inicial aqui do blogue; no canto superior direito clicam "seguir" e já está 😊.

@Mamã do @Bazar @#

Sem comentários:

Publicar um comentário

"Sete anos do melhor de mim..."

#@ Sete anos; a minha princesa faz hoje sete anos 💖. Filha, apesar de hoje ser o dia do teu sétimo aniversário, já te amo há mais tempo que...