domingo, 14 de outubro de 2018

"Mamãs doentes? Nem pensar! Estão proibidas!"

#@ Ora vejam lá a "rebiteza" da Mariana. A cada dia que passa está mais "senhora do seu nariz", exigente, a "reclamar" pelo seu tempo de antena, a querer fazer-se ouvir e a ser cada vez mais destemida e corajosa. E o meu coração de mãe não está nada preparado para tanta "independência"... Aposto que há muitas mães "por aí" a sentir o mesmo 💖...

Desde que a Mariana nasceu, tornou-se comum eu ficar doente quando ela fica doente. Não acho que seja nada fora do normal, uma vez que sou eu quem mais cuida dela e está em contato com ela nestas alturas, pelo que o vírus depressa se "abate" sobre mim.
E... desta vez não foi exceção. Garganta a arranhar, dores pelo corpo fora, nariz a pingar, tosse, rouquidão e febre. Os sintomas chegaram na sexta de manhã,a anunciar um fim-de-semana de "molho", na cama, mais uma vez com planos e programas em família cancelados.

Ora, como vos contei, a minha mãe está por cá. Veio para ajudar a cuidar da neta, para que filha e genro não tivesse de faltar mais ao trabalho. Portanto, assim que cheguei a casa do trabalho na sexta feira à noite, ordenou que me deitasse e descansasse; tratou do jantar e da Mariana, e ainda teve tempo para cuidar de mim (o maridão esteve a trabalhar a terceira noite): chazinho e torradinhas na cama, medicação e colinho. Com uma "enfermeira assim", como não melhorar?

A Mariana, pouco habituada a ver a mãe em baixo de forma, veio ter comigo ao quarto, sentou-se na cama, e diz-me: 
"mamã, o que tu tens?"
"a mamã está doente Mariana. Os bichinhos que te puseram doente, fizeram o mesmo à mãe. Mas não te preocupes. Vou ficar boa depressa. Só preciso de descansar um pouquinho". 
"o quê? Mas as mães não podem ficar doentes! É que nem pensar. Estão proibidas. Depois quem dá colinho e miminho? As mamãs são o amor. E eu não quero que estejas doente!"

Abracei-a bem forte e apertado, e deixei-nos "estar assim"; só assim, muito juntinhas, em silêncio, em sintonia, até que acabei por adormecer, e foi a minha mãe quem veio buscar a Mariana para a deitar e aconchegar. Há lá melhor cura do que esta? Os miminhos dos nossos filhos curam tudo. Dão-nos força para tudo. Sempre. Assim como o colo de mãe 💖.

Agora estou em fase de recuperação. Restabelecer energia para amanhã começar mais uma semana cheia de força e alegria. Já chega de viroses e doenças "por estes lados" 😊!

Também vos acontece (acontecia) ficarem doentes com as ites e viroses dos vossos pequenos? Os baixinhos e baixinhas aí em casa também vos enchem de miminhos e beijinhos nessas alturas? Contem-me tudo; sabem que "sou toda ouvidos".

Temos encontro marcado no próximo post.

Nota: o Facebook mudou o algoritmo; vão ver mais posts dos vossos amigos e menos de páginas onde deixaram o vosso like. Querem saber quando há publicações nossas e estar sempre a par das novidades? Então na página de facebook do blogue, clicam onde diz “A Seguir” e selecionam "Ver Primeiro".
Sigam-nos ainda no Instagram aqui e no blogspot também conto convosco - vão à página inicial aqui do blogue; no canto superior direito clicam "seguir" e já está 😊.

Mamã do @Bazar @#

Sem comentários:

Publicar um comentário

"Sete anos do melhor de mim..."

#@ Sete anos; a minha princesa faz hoje sete anos 💖. Filha, apesar de hoje ser o dia do teu sétimo aniversário, já te amo há mais tempo que...