quinta-feira, 8 de março de 2018

"Senão gostarmos de nós, ninguém gostará"

#@ Há alturas na vida em que parece que tudo corre mal; momentos em que nada acontece de acordo com o esperado; em que parece que a vida nos põe à prova constantemente.
Nestas situações, não é fácil reagir e dar a "volta por cima" - só depende de nós a forma como encaramos estes ditos "momentos menos bons".

Confesso que não sou uma pessoa otimista por natureza; antes pelo contrário - sou ansiosa e perfecionista; sensível e muito exigente comigo própria; sou fiel e sincera; talvez um pouco delicada; e ingénua, o que já me trouxe alguns dissabores nestas andanças...

Houve alturas em que senti que "o mundo estava contra mim"; que vivia "a remar contra a maré"; que nada me "corria de feição". Nestas alturas, ao deitar-me, chorava muitas vezes, longe da vista de todos, "extravasando" o que trazia no peito.
Até que.... fui mãe e passei a ter um ser dependente de mim 24 horas dia/7 dias por semana; a amar incondicionalmente, e a "ser um exemplo de vida" para a pessoa mais importante do mundo. Aí percebi que tinha de mudar: ser mais tolerante; esperar menos dos outros; viver menos as tristezas e "azares" e valorizar mais os momentos bons que a vida traz. Porque o mundo é imprevisível - de um momento para o outro tudo pode mudar...

E se há algo que aprendi; algo que nunca podemos esquecer (e que eu escrevo constantemente nos meus posts - também para me relembrar!) é que "para darmos o nosso melhor, temos de estar no nosso melhor"; o que significa que senão gostarmos de nós ninguém gostará, pois o que transmitimos aos outros, vai influenciar certamente a forma como nos encaram.

Este meu desabafo, é não só uma maneira de "aliviar a alma", mas também uma forma de vos (me ) mostrar, que estamos "todos no mesmo barco", que não há vida perfeitas; que não podemos planear e prever tudo (e acreditem que para uma perfecionista como eu, não é fácil!)... O melhor que temos é fazer é viver um dia de cada vez, aproveitando ao máximo o que de bom temos; e sermos gratos por todas as bençãos que inudam a nossa vida - "por aqui" é a minha família ❤ - ao mesmo tempo que nos valorizamos e amamos a pessoa que somos, pois senão gostarmos de nós, ninguém gostará 💖.

E vocês, já agradeceram hoje? Já sorriram e olharam para as bençãos da vossa vida? Querem sorrir comigo? Vamos embora; "sou toda ouvidos" (e gragalhadas 😊!).

Até ao próximo post!

Nota: o Facebook mudou o algoritmo; vão ver mais posts dos vossos amigos e menos de páginas onde deixaram o vosso like. Querem saber quando há publicações nossas e estar sempre a par das novidades? Então na página de facebook do blogue, clicam onde diz “A Seguir” e selecionam "Ver Primeiro".
Sigam-nos também no Instagram aqui.

@Mamã do @Bazar @#

2 comentários:

"Sete anos do melhor de mim..."

#@ Sete anos; a minha princesa faz hoje sete anos 💖. Filha, apesar de hoje ser o dia do teu sétimo aniversário, já te amo há mais tempo que...